Qual é A Sinagoga De Satanás? (ap 3: 9-13)

9 Escutem! Quanto àquela gente que pertence a Satanás, aqueles mentirosos  que afirmam que são Judeus, mas não são, eu farei com que eles venham e caiam de joelhos diante de vocês. E todos eles saberão que eu amo vocês.

Usar uma frase “este é um dos mais incompreendidos versículos em toda a Bíblia” é usar um clichê, mas neste caso, a afirmação é realmente verdadeira. A interpretação tradicional é a seguinte:

Os Judeus na cidade de Filadélfia odiavam e se opunham aos Cristãos, mas de acordo com Deus os Cristãos agora eram o verdadeiro povo de Deus (Judeus espirituais), não eles (os Judeus carnais). Os Judeus por causa de sua descrença em Jesus não são Judeus espiritualmente, os Cristãos são. Chegará um dia, quando os Cristãos perseguidos triunfarão e de uma forma ou outra os Judeus incrédulos serão submetidos a eles, porque Deus deixará bastante claro para todos que Ele sempre esteve do lado dos Cristãos. Os Judeus simplesmente mentiram sobre sua identidade. A Igreja agora se tornou o que Israel uma vez foi.

É claro que meu resumo simplificado mas razoável da interpretação destes textos é um exemplo por excelência da teologia da substituição ou supersessionismo. E se esta não for a melhor interpretação deste texto? Existem algumas questões a considerar aqui.

Primeiro, não é correto que as Bíblias Cristãs (bem-intencionadas e fieis) ainda caiam na armadilha do velho Anti-Judaísmo Cristão, quando se trata de decisões de tradução tomadas quando o texto do Novo Testamento em Koiné Greco-Judaico é traduzido para as línguas modernas.Tome por exemplo a palavra Grega o συναγωγῆς traduzida aqui como sinagoga (de Satanás), enquanto em Tiago 2:2 quando é dado o mandamento para tratar os adoradores pobres em pé de igualdade  com os ricos em reuniões de seguidores de Jesus, é traduzido como  reunião (de vocês). A palavra sinagoga (συναγωγῆς) no primeiro século e depois significava na verdade uma instituição Greco-Romana formada em função das reuniões dos Judeus durante o exilio Babilônico para estudo, oração e amizade. Realmente significava algo como uma reunião ou uma assembleia. Em Tiago 2:2 está apropriadamente traduzida, mas em vez de se aplicar a mesma lógica, quando o contexto é totalmente negativo, como em Ap.3:9, (de Satanás) a esmagadora maioria dos tradutores Cristãos decidiu traduzi-la não como reunião, mas  Sinagoga de Satanás, usando a palavra que evoca na mente de todas as pessoas modernas (Judeus ou não) uma clara conexão com a religião hoje chamada Judaísmo, algo que não era sempre o caso para as instituições Greco-Romanas do primeiro século livremente usada e adotada pelos Judeus chamada a συναγωγῆς (sinagoga).

Segundo, e isso é absolutamente maravilhoso que Jesus realmente diz para os crentes de Filadélfia que as pessoas que estão dizendo e fazendo essas coisas não são Judeus. Pare e pense sobre isso por um segundo. Se não seguirmos a interpretação tradicional (os Judeus carnais não são os Judeus espirituais) que poderíamos fornecer a nós mesmos o que pode ser chamado o claro significado das palavras de Jesus, ou seja que as pessoas que se opunham a eles não eram Judeus em absoluto. Se eles não eram Judeus, quem eram eles? Dada uma prática generalizada de conversão as práticas ancestrais Judaicas(conversão  proselitista) ou aproximar-se delas como no caso dos tementes a Deus,  podemos estar lidando aqui com pessoas excessivamente zelosas que eram ou completamente novas nos modos de vida Judaicos ou que tinham familiaridade apenas superficial e, portanto, não representativas dos mesmos. Temos que pensar em outras possibilidades interpretativas se as palavras de Jesus (que estas pessoas não eram Judeus) podem ser tomadas literalmente e  seriamente

As sete igrejas da Ásia Menor eram constituídas de grande quantidade de tementes a Deus (Gentios) que aderiram a fé de Israel através de sua aceitação de Jesus como o Cristo (Messias) e daqueles Israelitas que seguiram Jesus como o Messias antes deles. É provável que a prescrição de não conversão proporcionada em Atos 15:29 era a responsável. O grupo de pessoas guiadas  pelos convertidos excessivamente zelosos aos antigos modos de vida Judaicos, que não eram até recentemente membros do povo Judeu estiveram por trás da perseguição aos crentes em Filadélfia. Eles se opuseram fortemente aos Gentios se juntarem ao povo Judeu sem a conversão proselitista formal algo que o Conselho de Jerusalém não requeria (Atos 15:29) e o Apóstolo Paulo claramente proibiu (1 Co. 7:17-24). Jesus prometeu aos Gentios que o seguiam de acordo com as decisões do Conselho de Jerusalém (vs. aqueles que escolheram o caminho proselitista da conversão ao Deus de Israel) que eles estavam fazendo bem, e que eles seriam final e publicamente aprovados por ele (Ap.3:9b).

10 Vocês têm obedecido à minha ordem para aguentar o sofrimento com paciência, e por isso eu os protegerei no tempo da aflição que virá sobre o mundo inteiro para por à prova os povos da terra.

Os Judeus no Império Romano eram numerosos e minoria privilegiada, mas já que os seguidores do Cristo Judeu das Nações foram instruídos contra a conversão proselitista ao Judaísmo, eles se tornaram em desacordo tanto com a cultura Romana dominante e a maioria dos Judeus que não entendia por que eles se encontravam entre o povo do Deus de Israel sem unir-se a pessoas (o significado primário de conversão no final da antiguidade). Jesus, promete a estes preciosos crentes, que desde que eles tenham guardado seus mandamentos apesar das enormes dificuldades, ele por sua vez iria preservá-los através dos tempos de grande dificuldade que logo viriam. É provável que a ampla perseguição de todo o Império aos seguidores Gentios do Cristo Judeu estivesse em vista. Esta perseguição particular ocorreu durante o Imperador Nero (64-68 D.C)

11 Eu venho logo. Guardem o que vocês têm, para que ninguém roube de vocês o prêmio da vitória. 12  A pessoa que conseguir a vitória, eu farei com que ela seja uma coluna no templo do Meu Deus, e essa pessoa nunca mais sairá dali. E escreverei nela o nome do Meu Deus e o nome da cidade do Meu Deus, a nova Jerusalém, que virá do céu, da parte do Meu Deus. E também escreverei nela o Meu novo nome.  13 Portanto, se vocês tem ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.

Gentios seguidores do Cristo Judeu não eram. Os antigos pagãos Romanos que se juntaram a esta coligação Judaica em Jesus sem a real conversão ao modo de vida da tradição Judaica Ancestral eram vulneráveis aos ataques de seus inimigos de ambos os lados – os Romanos pagãos que os desprezavam e os antigos pagãos Romanos que vieram para o Judaísmo através de conversão proselitista (aqueles que dizem que “eles são Judeus, mas não são” em Ap.3:9).

Mesmo com a promessa de preservação (Ap.3:10) durante a vindoura perseguição a sobrevivência/vitória não será fácil. Uma vez alcançada, no entanto, as recompensas do Reino Israelita para os membros Gentios desta coalizão com Jesus Judeu será grande. Os membros das Nações do mundo, que se juntaram ao Jesus Judeu, não como Judeus, mas como membros das nações serão todos trazidos e tratados como cidadãos de primeira classe do Reino do Deus de Israel.

About the author

Dr. Eli Lizorkin-EyzenbergTo secure your spot in our new course “The Jewish Background of New Testament” - CLICK HERE NOW

You might also be interested in:

Abraão No Egito (lech Lecha -2)

By Julia Blum

Lech Lecha – O Chamado De...

By Julia Blum

Join the conversation (25 comments)

Deixe uma resposta

  1. Roel Naer

    Yo no creo que estudios y/ó comentários de cualquier tipo como estos, sean suficientes y completos, para traer luz sobre un asunto tan históricamente complejo! Será que porque está faltando algo ó porque está demasiadamente detallado que me quedo aturdido? Será que el tipo de “lectura” que hago es el erróneo? Ojalá que el entendimiento que supongo que tengo, no sea tan volátil..!

  2. luene de oliveira mendonça

    e simples e judeu o que e de coraçao nao de letra mata mais do espirito vivifica tem nome que vive mais ta morto jesus nao ensinou muito nas sinagoga deles e o que fiseram 2 filho uma que naceu da carne e outra da plomeça e a carne perseguia o que era do espirito e a mesmo coisa acontece a biblia e simples

  3. jair

    A Sinagoga de Satanás é a reunião de todas as congregações falsas espirituais e falsas do Diabo em todo mundo…
    É a babilonia espiritual, isto é, a cidade da confusão em todo mundo sendo formada…
    É a grande prostituta, que é o (engano) da mentira, sendo largamente amplificado em todo mundo…
    É mãe das meretrizes, isto é, a prostituta com suas adulteras em todo mundo… (mentira com a vaidade)
    … … … .

    Toda Glória, honra e louvor sejam dados a Deus nosso Salvador e Pai Bendito eternamente.

  4. gidalto araujo

    Pergunto, pois: Acaso Deus rejeitou o seu povo? De maneira nenhuma! Eu mesmo sou israelita, descendente de Abraão, da tribo de Benjamim.
    Deus não rejeitou o seu povo, o qual de antemão conheceu. Ou vocês não sabem como Elias clamou a Deus contra Israel, conforme diz a Escritura?
    “Senhor, mataram os teus profetas e derrubaram os teus altares; sou o único que sobrou, e agora estão procurando matar-me”.
    E qual foi a resposta divina? “Reservei para mim sete mil homens que não dobraram os joelhos diante de Baal”.
    Assim, hoje também há um remanescente escolhido pela graça.
    Romanos 11:1-5

  5. gidalto araujo

    Vós adorais o que não conheceis, nós adoramos o que conhecemos, pois a salvação vem dos judeus.
    23 Mas a hora vem e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para seus adoradores.
    24 Deus é espírito; e é necessário que os que o adoram, o adorem em espírito e em verdade.
    João 4:22-24

  6. Marinalva Santana

    Muito bom ensinamento.

  7. Jorginho Ruas

    Gostei do texto, muito bom. Isso nos ajuda no entendimento da leitura bíblica.

  8. Sergio Rodovalho

    Paz, seja convosco! Talvez da próxima o Joel escreva. “Falou, falou e não disse nada”. 40 anos de fato perdido, pois não aprendeu nada. Em pleno século XXI, vemos o pior, não um judeu que retorna ao judaísmo (Razão porque Paulo escreve dentre outras, a carta aos colossenses), mas um Gentio se “convertendo ao judaísmo”, se tornando duas vezes mais filho do inferno(Mt 23:15). Concordo que o evangelho se perdeu e a igreja atual é romanista, mas o contrário disso não é voltar ao judaismo com seus rituais( pois impossível crer na torá sem suas minúcias), Devemos sim retornar Para Jesus o Cristo amando a Deus e ao próximo. Jesus te ama Joel e como disse jesus à mulher samaritana, não é nesse ou naquele lugar que adoramos ao pai, mas em espírito e em verdade. Rejeite o romanismo, bem como o judaísmo, pois aqueles bem como estes, foram quem rejeitaram( e rejeitam) O Salvador da humanidade(Jesus).

  9. Joel.

    Se o autor deste blog for íntegro Reto e justo; ele postará meu comentário, pois sou do judaísmo, após pertencer 40 anos no cristianismo. O problema dos cristãos é que não estudam a história na íntegra como ela foi, e sim só ouvem o que lhes é ensinado nas igrejas: como podem vocês aceitar o que foi deturpado na sua biblia chamando a torá de (lei) e de “velho” “antigo” testamento? como podem dizer que o eterno rejeitou o seu povo quando ele mesmo afirma em Romanos 11 1 Pergunto, pois: Acaso Deus rejeitou o seu povo? De maneira nenhuma! Eu mesmo sou israelita, descendente de Abraão, da tribo de Benjamim.
    2 Deus não rejeitou o seu povo, o qual de antemão conheceu. Ou vocês não sabem como Elias clamou a Deus contra Israel, conforme diz a Escritura?
    3 “Senhor, mataram os teus profetas e derrubaram os teus altares; sou o único que sobrou, e agora estão procurando matar-me.” [68] vocês precisam acordar e voltar as veredas antigas e sair deste paganismo Romano. O eterno nunca mencionou o nome igreja nas escrituras; o Salvador nunca pegou em uma Biblia e Disse examinai as escrituras se referindo a Biblia (mesmo porque os gregos não a havia criado) e sim a torá e os profetas. vocês acordem para a verdade; e enxerguem que O salvador nunca entrou em igreja; nem os apóstolos nunca entrou em igreja, paulo que viajava tanto, que escreveu cartaz as igrejas; nunca na sua biblia vc vai ele visitando igreja, porque será? acordem cristãos, acordem e saia da babilonia como diz em apocalipse.

    1. Hosvaldo Pereira dos Santos

      É muito esclarecedor esse ensino, porém é importante ressaltar que o nome Igreja se tornou usual porque ao longo dos anos as pessoas associaram esse nome ao templo onde se congrega, a congregação dos irmãos, é amplamente ensinado entre o povo, e a maioria tem conhecimento de que igreja não se trata de uma construção, ou do templo em si, mais que a igreja como o Próprio Apostolo Paulo disse é o povo reunido em torno de Cristo, a introdução da ideia de confundir igreja com o templo, talvez seja uma interpretação errada da
      2ª Epístola de Paulo aos Coríntios Capitulo 6
      16 E que consenso tem o templo de Deus com os ídolos? Porque vós sois o templo do Deus vivente, como Deus disse: Neles habitarei, e entre eles andarei; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.
      17 Por isso saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor; E não toqueis nada imundo, E eu vos receberei;
      18 E eu serei para vós Pai, E vós sereis para mim filhos e filhas, Diz o Senhor Todo-Poderoso. 
      Porém não temos nenhuma discordância quanto ao tema tratado pelo nobre professor, ele foi muito bem em suas colocações.

  10. Karlos Lima

    Gostei de conhecer seu Blog. Mas discordo de uma coisa. Você não usa os nomes verdadeiros dos pensonagens das Escrituras. Nomes próprios não se traduzem e aqui você os traduzem, e usa o título de Deus quando deveria usar o
    nome Yaohuh que é o nome verdadeiro do Criador Supremo e Eterno, assim como o do filhos que originado do nome
    do Pia Yaohushua. Mas goste.

  11. Donizete Correa da Silva

    bom muito bom ! Mais me respondam o cordeiro pascoal era sacrificado no final do dia 14 de nisão ou no final do dia 13 de nisã,isso segundo o costume judáico me respondam por favor .

    1. Eric de Jesús Rodríguez Mendoza

      BS”D

      Shalom Donizete!

      A Escritura é clara: NO Livro de Éxodo diz que entre as duas tardes, do día 14 de Nissa. Nao no día 13. De 14 pra 15, o qual comença com a posta do sol.

  12. Angela Maria Dal Bon Rosales Moura

    Dr. Eli, tenho me apaixonado a cada dia mais pela Palavra do Senhor e todo o seu significado, infelizmente não tenho como fazer o curso completo mais essa porção que tenho recebido tem me trazido alegria ao coração. Obrigada e Shalon.

  13. nicodenis rodrigues dos santos

    otima explicaçao

  14. sedevilson ramalho

    Muito maravilhosa essa explicação, reforçando então o cuidado de lermos
    a Bíblica em um sentido espiritual e não uma leitura apenas de letras. Parabéns. Shalom

  15. carllos henrique de souza

    muito bom comentario. parabens Dr eli . que DEUS contimue te iluminando .este site tem me enrriquecido muito espirtualmente. fico triste pois não tenho condicçoes de fazer o curso . no que posso tenho aproveitado muito.

  16. Matusalém

    estudos maravilhoso

  17. Willians Chaves

    Que profundo!

  18. Fábio Henrique

    sinagoga

  19. Jocel Fechini

    Excelente comentário! Importante saber diante mão quais poderiam ser os pré-requisitos básicos para que se possa definir com exatidão quem é Judeu e quem é Gentio.

  20. Cleide Sandra

    simplismente maravilhoso

  21. Hosvaldo Pereira dos Santos

    Existem vários equívocos nas interpretações de textos bíblicos, principalmente quando se referem ao livro do Apocalipse, primeiro que o livro de apocalipse se refere a coisas futuras, embora tendo como base os acontecimentos contemporâneos, ao que se refere ao convívio, cultura, situações de enfrentamentos vividos pelos cristão das primeiras eras cristãs; porém a realidade vivida pela Igreja de cristo ao longo dos anos após o quarto século e seculos seguintes, mostram algo que é desconhecida pela maioria cristã e pessoas de modo geral, é que ao acontecer a união entre a igreja e o estado, ou seja bispos da igreja passarem a fazer parte em decisões estatais e a experimentarem o poder terreno iria de encontro a tudo quanto o Senhor Jesus pegara, e consequência adviria a partir dessa atitudes, veja que os cristãos,tanto judeus no sentido conexo a Cristo, quanto às Igrejas espalhadas por onde quer que elas estivessem seria consideradas no futuro, inimigas do Estado e perseguidas até a morte, isso aconteceu no período considerado pela Igreja o período da chamada santa inquisição, portanto sinagoga de satanás a que o texto de apocalipse se refere para nós os cristãos atuais é no sentido “lato sensu” em sentido amplo.
    A ideia apresentada pelo nobre professor é um tanto importante, porém há uma necessidade de ampliar esse conceito que é muito mais amplo, porque a ideia “Sinagoga” e também a ideia “Igreja” teria dimensões mundiais o que no entanto não consideradas nesse texto.
    Peço desculpas por divergir da opinião, porém em razão desse espaço deixado pelo ilustre Dr. Eli Lizorkin Eyzenberg, eu me vi no direito de opinar como fiz em outras ocasiões.
    Agradeço sinceramente:
    Hosvaldo Pereira dos Santos.

    1. Fernando

      O apocalipse era futuro para os receptores da mensagem, mais para nós é passado, as profecias ocorreram na destruição do Templo e de Jerusalém, “eis que cedo venho” e não daqui a muitos dias ou dois mil anos depois.

  22. agnadlo

    gostei, obrigado pela mensagem.