Quem Escreveu O Livro Do Apocalipse? (ap.4:1-2)

Quem escreveu o livro do Apocalipse? (Ap.4:1-2)

1 Depois disso, tive outra visão e vi uma porta aberta no céu. E a voz que parecia o som de uma trombeta e que antes havia falado comigo disse: “Suba aqui, e eu mostrarei a você o que precisa acontecer depois disso”. 2  Num instante  fui dominado pelo Espírito de Deus. E ali no céu estava um trono com alguém sentado nele. 

Embora o Apocalipse de João esteja em uma categoria que pode ser chamada de literatura apocalíptica Judaica, há várias características distintivas aqui. Neste caso, João tem acesso imediato e sem intermediação à sala do trono de Deus, algo que não é geralmente o caso em outras obras apocalípticas Judaicas proeminentes como por exemplo, O Testamento de Levi e 1 Enoque.

Tem sido uma questão de consenso que o Apocalipse  de João apresenta significativa  dependência literária  com outro texto apocalíptico Judaico –o Livro de Ezequiel–. Como uma nota interessante, em meu livro anterior, “O Evangelho Judaico de  João” eu discuti (e convincentemente alguns dizem) que quem escreveu o Evangelho de João era muito interessado no Livro de Ezequiel. A quantidade de paralelos literários e temáticos é grande demais para negar tal conexão (mas o que estou fazendo você deve comprar e ler o livro).

O livro do Apocalipse, de autoria de uma pessoa chamada João (um nome Judaico comum –Yohanan em Hebraico–), também tem interesse óbvio no Livro de Ezequiel. Era uma coisa muito comum citar uma obra apocalíptica Judaica com o nome de algum grande personagem Bíblico (por exemplo, Apocalipse de Elias, Apocalipse de Daniel, Apocalipse de Moises e a lista pode ir longe). O que é incomum aqui é que o Apocalipse foi atribuído a alguém chamado Yohanan (João), aparentemente sem qualquer notoriedade prévia, exceto se na verdade João, o Apóstolo, estiver de fato em vista.

Embora a evidência seja certamente inconclusiva (e o Evangelho de João faz um trabalho muito bom de permanecer um documento anônimo, embora com pistas ocasionais sobre seu autor) pode ter sido João, o filho de Zebedeu, quem o escreveu. Existem alguns argumentos muito bons que mostram que ele pertencia a uma linhagem sacerdotal. Se isto estiver correto, sua preocupação com o Livro de Ezequiel faz muito sentido. Um dos argumentos principais, no entanto, contra o Evangelho de João e o livro do Apocalipse, terem sido escritos pela mesma pessoa (nenhum problema desse tipo existe entre o Evangelho de João e as cartas de João) é que o Grego do Evangelho de João e o do Apocalipse é dramaticamente diferente. Colocando de outra maneira, o Grego do Evangelho de João claramente é melhor que o Grego do Apocalipse. Mas dado que a maioria da literatura não foi escrita, mas ditada  a um escriba, a diferença no nível de sofisticação linguística poderia ser atribuída  ao trabalho de diferentes escribas, para não mencionar a adaptação de gênero de narrativa histórica (Evangelho de João), para literatura apocalíptica (Livro do Apocalipse). Em outras palavras, se João escreveu seu Evangelho em Éfeso (como algumas tradições antigas especificam) faria sentido que ele teria tido acesso a alguns dos melhores escribas, ao mesmo tempo que quando ele estava na ilha de Patmos, apesar de não ser tecnicamente uma prisão, é razoável supor que sua escolha de escribas seria severamente limitada, se estivesse disponível.

About the author

Dr. Eli Lizorkin-EyzenbergTo secure your spot in our new course “The Jewish Background of New Testament” - CLICK HERE NOW

You might also be interested in:

Quem Foi Melquisedeque? (3)

By Julia Blum

Quem Foi Melquisedeque? (2)

By Julia Blum

Join the conversation (4 comments)

Deixe uma resposta

  1. jairo araujo matos

    shalom.
    faz sentido algumas coisas.

  2. GLÁUCIA MARANHÃO TAVARES

    gostaria de saber se tem um horario certo para esse estudo. e se é diariamente e em quanto tempo se leva para comcuir.

  3. Lídia Alves dos Santos Aabreu

    Interessante, o Apocalipse é um livro muito cheio de simbolismos e de difícil interpretação para a maioria dos cristãos, creio eu.

  4. Anderson Sacramento

    O Apóstolo joão estava preso por ser um dos líderes da igreja cristã primitiva e ser o único discípulo de Jesus vivo então e o único que não morreu martirizado cumprindo uma predição de Cristo .E a igreja cristã dos quais ,João era um líder como foi Paulo, Pedro ,Tiago ,não tinha nada a ver com o judaísmo ,aliás existia uma separação clara ,basta ler as epístolas de Paulo ,a visão de Pedro para entendermos bem isto ,pois classificavam eles pertencentes a uma seita chamada CAMINHO (Atos capítulos 19 e 22)